Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

Rede elétrica de Bebedouro recebeu R$ 4,8 milhões em obras no primeiro semestre de 2021

Escrito por:

Assessoria de Imprensa   24/10/2021

Ações executadas pela CPFL Paulista modernizam e dão maior robustez ao sistema de distribuição de energia do município

Bebedouro, 25 de outubro de 2021. A rede elétrica de Bebedouro recebeu investimentos de R$ 4,88 milhões apenas no primeiro semestre de 2021. As ações, executadas pela CPFL Paulista, se centraram em diversas frentes. A maior fatia do investimento foi destinada a obras de manutenção do sistema elétrico, incluindo troca de postes e modernização de outros componentes, como cabos, transformadores e isoladores.  

Os investimentos foram realizados por meio do Plano de Expansão do Sistema Elétrico (PESE), Plano de Flexibilidade no Atendimento a Localidades (PFAL) e Plano de Confiabilidade da empresa, que fazem parte do compromisso da CPFL Energia em oferecer um serviço mais robusto para os consumidores. As ações em Bebedouro também contemplaram a instalação de novos equipamentos na rede de distribuição. 

“O conjunto de ações executado no primeiro semestre deste ano se soma aos projetos contínuos que a CPFL Paulista coloca em prática no município, assim como em toda a sua área de concessão. São obras permanentes e que dão maior robustez à rede elétrica. Seguiremos investindo na rede elétrica que atende os mais de 34 mil clientes de Bebedouro”, destaca o presidente da CPFL Paulista, Roberto Sartori.  

Até o final de 2022, a companhia projeta a construção da nova Subestação Bebedouro 3 - Sul, com potência instalada de 20MVA e quatro circuitos alimentadores de 13,8kV, e uma nova linha de transmissão de 138kV. A previsão é que este conjunto de obras, que integram o Plano de Investimentos da CPFL Paulista, entre em operação no segundo semestre do ano que vem. Além disso, a CPFL também prevê ações de modernização e construção de mais de 38 km de redes de distribuição de energia em Bebedouro. O investimento previsto é de cerca de R$ 25 milhões apenas para essas ações. 

Região. Considerando as regiões de Ribeirão Preto e Franca, o investimento da CPFL Paulista chegou a R$ 97,3 milhões no primeiro semestre deste ano. O valor foi utilizado em obras de melhoria, expansão e manutenção de redes de energia e atendimento ao cliente.

Ação nos temporais. As constantes obras de melhoria da rede elétrica representam menor impacto quando ocorrem vendavais. Contudo, em certos casos, a severidade de um temporal acaba afetando componentes importantes da rede, como postes, cabos e transformadores, sem os quais não é possível que o sistema funcione.  

Em temporais mais severos, como o registrado no início de outubro, a CPFL Paulista coloca em prática o seu plano de contingência para recompor a rede elétrica em geral danificada por ventos, descargas atmosféricas e pelo toque de árvores e galhos.  

Nessas situações, a distribuidora inicia a recomposição da rede que atenda clientes críticos, como serviços de saúde, abastecimento de água e segurança pública. Na sequência, prioriza-se as ocorrências que causem falta de energia a maiores quantidades de clientes.  

Alerta em tempestades. Uma das grandes preocupações do Grupo CPFL é com a segurança dos seus colaboradores, da população e também da rede elétrica. A campanha “Guardião da Vida”, em vigor há dois anos, oferece dicas e conselhos para a população em geral e trabalhadores sobre como manter a segurança especialmente em dias de temporal. Confira abaixo algumas dicas da campanha para prevenir e evitar acidentes: 

- Nunca se aproxime ou toque em cabos elétricos caídos no chão. Se encontrar um fio elétrico caído, o mais adequado é sinalizar a área para que ninguém se aproxime e avisar imediatamente a distribuidora de energia;

- Durante os temporais, fique longe de locais e objetos isolados, como árvores, postes de luz, janelas e portas metálicas. Assim, você evita choques que podem acontecer por descargas atmosféricas;

- Retire aparelhos elétricos das tomadas para evitar que possam queimar com as descargas elétricas;

- Não use o celular ou telefone durante o período de incidência de raios, pois a rede de dados também pode ser caminho para uma descarga atmosférica;

- Nunca use aparelhos elétricos e eletrodomésticos durante as tempestades ou em locais com água ou umidade, nem com as mãos ou os pés molhados. Cobri-los não gera qualquer efeito de proteção;

- Se você for pego em uma tempestade de raios com um grupo de pessoas, mantenha uma distância de, pelo menos, 50 a 100 metros entre cada pessoa;

- Em zonas rurais, as cercas longas devem ser seccionadas e aterradas (de 100 em 100 metros, por exemplo) para evitar criar um caminho contínuo para os raios, que pode levar destruição ao longo desta cerca;

- Se um cabo de energia cair sobre um carro, a pessoa não deve tentar sair de dentro e ninguém deve se aproximar do veículo, para tentar prestar socorro. Isole a área e acione imediatamente a CPFL.


Tags:
    Bebedouro; CPFL Paulista; Investimentos; Alerta em tempestades