Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

Psicanalista Danit Pondé fala sobre “A agonia do amadurecimento” no Café Filosófico CPFL

Escrito por:

Assessoria de Imprensa   21/05/2019

​​No encerramento do módulo “O mundo contemporâneo repleto de adultos infantis”, a psicanalista Danit Pondé fala sobre “A agonia do amadurecimento” no Café Filosófico CPFL desta sexta-feira, 24/05, às 19h.

O encontro, aberto ao público em Campinas, será transmitido ao vivo pelas redes sociais do Instituto CPFL (confira abaixo).

Autora de “Cinema no Divã: Grandes filmes em análise”, Danit Pondé é especialista em Psicologia Hospitalar (H.I.A.E), psicanalista, mestre e doutoranda em Filosofia da Psicanálise, professora orientadora do Centro Winnicott (São Paulo, Belo Horizonte e Rio de Janeiro), professora convidada do MIS-SP, e professora convidada no curso de pós-graduação Faculdade Belas Artes de São Paulo.

A proposta do encontro é debater por que uma das maiores patologias do mundo contemporâneo é o desaparecimento do amadurecimento, um conceito central da psicanálise Winnicottiana. (saiba mais em https://bit.ly/2HLhlIX)

Segundo o filósofo Luiz Felipe Pondé, curador da série, o amadurecimento parece ser aquilo que ninguém quer. Em vez disso, afirma ele, todos querem ser jovens. “Da psicologia à pedagogia, da filosofia às ciências sociais, todas fazem o marketing da infantilização. Os jovens não conseguem enfrentar nenhuma dificuldade na vida sem dizer que ‘isso é injusto’. As escolas, preocupadas com a perda de clientes, fabricam a cada dia, futuros adultos incapazes de assumir o mundo”, afirma o curador.

Exposição. De segunda a sábado, o público pode conferir também a exposição "Figura e modernidade: Rodin no acervo da Pinacoteca de São Paulo", que reúne na Galeria de Arte do Instituto CPFL, em Campinas, a coleção completa do artista francês na Pinacoteca.

O conjunto de 10 esculturas originais e 76 fotografias documentais da vida do artista fica exposto gratuitamente ao público até 29 de junho. 

A exposição tem a curadoria de Valéria Piccoli, curadora-chefe do museu e conta com recursos educativos desenvolvidos pelo NAE – Núcleo de Ação Educativa da Pinacoteca, para uso autônomo, que estimulam a participação do público de todas as idades, criando novas relações com as obras.

A exposição conta também com visitas educativas mediadas por educadores que estarão no local para atender ao público. As visitas são realizadas em grupos de até 45 pessoas. O agendamento de visitas ainda pode ser feito por e-mail monitoriainstitutocpfl@gmail.com​ ou pelo telefone (19-3756-8000).

O horário de funcionamento é, de segunda e terça, das 9h às 18h, de quarta a sexta, das 9h às 19h, e aos sábados, das 10h às 16h. A entrada é gratuita.

Tags:
    Instituto CPFL; Café Filosófico CPFL; Danit Pondé;