Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

CPFL Energia prepara a rede elétrica para receber atletas olímpicos

Escrito por:

Assessoria de imprensa   02/08/2016

​​Campinas, Baixada Santista, Jaguariúna e Itu recebem 15 delegações que se preparam para os Jogos do Rio

Campinas, 3 de agosto de 2016 – A CPFL Energia, maior grupo privado do setor elétrico brasileiro, colocou em prática um plano especial de operação para garantir o fornecimento de energia aos locais de treinamento no Estado de São Paulo que receberão 15 delegações esportivas, nacionais e internacionais, que participarão dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. A rede elétrica e as subestações de regiões de centros esportivos de Campinas, Jaguariúna, Itu e Baixada Santista, na área de concessão de distribuidoras do Grupo, passaram por uma rigorosa inspeção. ​

Além de inspecionados, os circuitos e os sistemas de proteção e comunicação da rede elétrica passaram por manutenções preventivas, finalizadas no mês julho, quando a maioria das equipes chegou ao País. "Queremos receber bem os atletas brasileiros e estrangeiros e prestar o melhor serviço para que o fornecimento de energia seja o mais contínuo possível no período que estiverem aqui", afirma vice-presidente de Operações Reguladas, Luis Henrique Ferreira Pinto. ​

A CPFL ainda criou um canal exclusivo de atendimento, via telefone 0800, para notificação de ocorrências e, está permanentemente em contato junto ao Comitê das Olimpíadas estabelecido pela Secretaria de Energia do Estado de São Paulo. "Queremos receber bem os atletas e fazer o nosso melhor para que o fornecimento de energia seja o mais contínuo possível no período que estiverem aqui", afirma Osvanil de Oliveira Pereira, gerente de operações da CPFL Energia.

Na área de concessão da CPFL Paulista, Campinas será o local de treino para as delegações de vôlei feminino da Argentina, de atletismo de Trinidad e Tobago e de badminton da Indonésia, além da equipe brasileira de basquete feminino. As instalações monitoradas na cidade são o Ginásio do Taquaral, o Clube Concórdia, o Centro de Alto Rendimento e o Clube Fonte São Paulo. Na área da CPFL Jaguari, Jaguariúna receberá atletas do vôlei feminino, salto triplo feminino, boxe masculino e judô feminino de Camarões. Os locais monitorados são o Azulão e Academia Physio Wellness.

A Baixada Santista, área da CPFL Piratininga, recebe as delegações de judô da Argélia, Tunísia, Uzbequistão, Egito, Coréia do Sul e Catar, além das equipes de natação da Rússia, natação e triátlon da Eslovênia e da Itália e maratona aquática do Japão. Na região, entre os locais monitorados estão a Universidade Santa Cecília e a Universidade Metropolitana de Santos, além da região da Ilha Porchat. E, finalmente, Itu receberá a delegação russa de luta olímpica.

"Durante o tempo de permanência dessas delegações em nossa área de concessão, o monitoramento será constante e a interação entre os eletricistas de  campo, o Centro de Operações e a equipe comercial está afinada para garantir um atendimento ágil em caso ocorra qualquer eventualidade", explica Ferreira Pinto.  

A recepção de delegações que participarão das olimpíadas representa, para a CPFL Energia, uma maneira de aperfeiçoar procedimentos e processos de distribuição de energia e, assim, aumentar ainda mais a qualidade do serviço prestado para os seus clientes. Operações preventivas similares foram colocadas em prática com sucesso em outras oportunidades, como durante Copa do Mundo de Futebol, em 2014, e ainda em eventos anuais relevantes para a economia regional, como festivais municipais, festividades sazonais e festas do peão de boiadeiro.

Sobre a CPFL Energia

A CPFL Energia, há 103 anos no setor elétrico, atua nos segmentos de distribuição, geração, comercialização, serviços e telecomunicações. É líder no mercado de distribuição, com 13% de participação, totalizando mais de 7,8 milhões de clientes em 561 cidades em São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Paraná.

Na comercialização, é um dos líderes no mercado livre, com uma participação de mercado de 14,1% na venda para consumidores finais entre as comercializadoras. É um dos líderes na comercialização de energia incentivada para clientes livres.

Na geração, é o segundo maior agente privado do país, com um portfólio baseado em fontes limpas e renováveis. A CPFL Geração conta com 2.248 MW de potência instalada, considerando sua participação equivalente em cada um dos ativos de geração. Em 2011 criou a CPFL Renováveis, com ativos como PCHs, parques eólicos, termelétricas a biomassa e a usina solar Tanquinho, pioneira no Estado de São Paulo, e uma das maiores do Brasil. Adicionando a participação equivalente na CPFL Renováveis, a capacidade instalada total do Grupo CPFL atingiu 3.144 MW no final do primeiro trimestre de 2016. O Grupo também ocupa posição de destaque em arte e cultura, entre os maiores investidores brasileiros.​

A CPFL Energia tem ações listadas no Novo Mercado da BM&FBovespa e ADR Nível III na NYSE, além participar do Índice Dow Jones Sustainability Index Emerging Markets e do Morgan Stanley Capital International Global Sustainability Index (MSCI). Pelo 11º. ano consecutivo, as ações da companhia integram a carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da BM&FBovespa.

 

 

Tags: