Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

Horário de Verão termina sábado, dia 16 de fevereiro

Escrito por:

CPFL Imprensa   14/02/2013

​A 42a edição do Horário de Verão termina à meia noite de sábado, dia 16 de fevereiro, quando os relógios deverão ser atrasados em uma hora nas regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Distrito Federal. Após 119 dias, o Grupo CPFL registrou uma redução de 3,4 % na demanda global por energia elétrica no horário de ponta nas áreas de concessão de suas oito distribuidoras. As empresas também acumularam uma redução no consumo de 158.670 MWh, energia suficiente para atender uma cidade como Campinas, com 1,1 milhão de habitantes, por 17 dias.

A CPFL Paulista registrou uma redução de 0,7% no consumo de energia elétrica nas 234 cidades de sua área de concessão. Essa economia de consumo corresponde a 79.100 MWh, volume suficiente para atender uma cidade do porte de Campinas, com 1,1 milhão de habitantes, durante 08 dias. Ou, Bauru por 29 dias, Ribeirão Preto por 15 dias, São José do Rio Preto por 24 dias.

A CPFL Leste Paulista registrou uma redução de 4,2% no consumo de energia elétrica nas sete cidades de sua área de concessão. Essa economia de consumo corresponde a 5.150 MWh, volume suficiente para atender uma cidade como São José do rio Pardo por 11 dias.

A CPFL Jaguari registrou uma redução de 1,0% no consumo de energia elétrica nas duas cidades de sua área de concessão. Essa economia de consumo corresponde a 2.020 MWh, volume suficiente para atender uma cidade como Jaguariúna por um dia.

A CPFL Santa Cruz registrou uma redução de 2,6% no consumo de energia elétrica nas 27 cidades em sua área de concessão (24 no Estado de São Paulo e três no Estado do Paraná. Essa economia de consumo corresponde a 10.700 MWh, volume suficiente para atender uma cidade do porte de Piraju por 78 dias. Ou, Ourinhos por 18 dias, Avaré por 20 dias.

A CPFL Mococa registrou uma redução de 1,9% no consumo de energia elétrica nas quatro cidades de sua área de concessão. Essa economia de consumo corresponde a 1.600 MWh, volume suficiente para atender uma cidade como Mococa por três (3) dias.

A CPFL Piratininga registrou uma redução de 0,4% no consumo de energia elétrica nas 27 cidades de sua área de concessão. Essa economia de consumo corresponde a 26.300 MWh, volume suficiente para atender uma cidade do porte de Sorocaba durante cinco dias, ou Santos por seis dias.

A CPFL Sul Paulista registrou uma redução de 1,3% no consumo de energia elétrica nas cinco cidades de sua área de concessão. Essa economia de consumo corresponde a 2.500 MWh, volume suficiente para atender uma cidade do porte de São Miguel Arcanjo por 22 dias.

A RGE registrou uma redução de 0,8% no consumo de energia elétrica nas 262cidades de sua área de concessão e ainda uma diminuição de 3,1% na demanda no horário de pico, nesse período. Essa economia de consumo corresponde a 31.300 MWh, volume suficiente para atender uma cidade do porte de Caxias do Sul por 8 dias, ou de Passo Fundo por 22 dias.

Tags: