Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

Eduardo Wolf discute “Como Devemos Viver? Sabedoria e Felicidade” no Café Filosófico CPFL

Escrito por:

Assessoria de Imprensa   04/06/2019

A filosofia grega nos deixou de herança uma pergunta que até hoje nos acompanha: “como devemos viver?”. 

Para pensadores como Sócrates, Platão e Aristóteles, a resposta a essa questão tinha um elemento comum – uma certa compreensão da natureza humana. Só nos realizamos de modo pleno quando compreendemos adequadamente quem somos, e o que isso requer de nós.

O tema será discutido pelo filósofo Eduardo Wolf no Café Filosófico CPFL “Como devemos viver? Sabedoria e felicidade” nesta sexta-feira, 07/06, às 19h, com transmissão ao vivo nas redes sociais do Instituto CPFL (confira abaixo)

O encontro é aberto ao público, em Campinas.

Segundo Wolf, da resposta socrática, que afirmava que “uma vida sem exame não merece ser vivida” às nossas inquietações mais atuais, essa busca profundamente humana pela felicidade permanece. O que buscamos, explica ele, é o sentido da vida e uma melhor maneira de vive-la plenamente.

O encontro é parte da série “Sentidos da vida”, que tem a curadoria do filósofo e cientista político Fernando Schuler.

Exposição. Em junho, de segunda a sábado, o público pode conferir também a exposição "Figura e modernidade: Rodin no acervo da Pinacoteca de São Paulo", que reúne na Galeria de Arte do Instituto CPFL, em Campinas, a coleção completa do artista francês na Pinacoteca.

O conjunto de 10 esculturas originais e 76 fotografias documentais da vida do artista fica exposto gratuitamente ao público até 29 de junho.

A exposição tem a curadoria de Valéria Piccoli, curadora-chefe do museu e conta com recursos educativos desenvolvidos pelo NAE – Núcleo de Ação Educativa da Pinacoteca, para uso autônomo, que estimulam a participação do público de todas as idades, criando novas relações com as obras.

A exposição conta também com visitas educativas mediadas por educadores que estarão no local para atender ao público. As visitas são realizadas em grupos deaté 45 pessoas. O agendamento de visitas ainda pode ser feito por e-mail monitoriainstitutocpfl@gmail.com​ ou pelo telefone (19-3756-8000).

O horário de funcionamento é, de segunda e terça, das 9h às 18h, de quarta a sexta, das 9h às 19h, e aos sábados, das 10h às 16h. A entrada é gratuita.

Tags:
    Eduardo Wolf; Café Filosófico CPFL; Exposição; Instituto CPFL;