Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

CPFL Piratininga investe cerca de R$ 800 mil em eficiência energética na Baixada Santista

Escrito por:

Assessoria de Imprensa   15/08/2016

​Como parte do Programa de Eficiência Energética, mais de 500 famílias receberam geladeiras novas, mais eficientes

Santos, 16 de agosto de 2016 – Por meio de seu Programa de Eficiência Energética, a CPFL Piratininga investiu no primeiro semestre de 2016, cerca de R$ 800 mil no projeto “Comunidades Eficientes”, beneficiando mais de 2 mil clientes de baixo poder aquisitivo na Baixada Santista, com a entrega de 515 novas geladeiras, mais eficientes. Nesta terça-feira (16/8), a distribuidora realiza a entrega simbólica das últimas geladeiras para duas famílias no Jardim Castelo, em Santos.

O volume de energia economizado com a substituição das geladeiras antigas por modelos eficientes é de 200,85 MWh. A título de comparação, essa mesma quantidade de energia seria suficiente para abastecer 84 clientes residenciais, com consumo médio de 200 kWh mensais, pelo período de um mês. A iniciativa também evitou a emissão de 251 toneladas de CO2.

Agentes comunitários estão visitando os clientes residenciais, de baixo poder aquisitivo, beneficiados pelo Programa de Eficiência Energética. Os agentes realizam pesquisas de satisfação, negociam débito, regularizam a situação cadastral e orientam sobre consumo inteligente e uso seguro de energia, entre outras ações. Esses agentes são identificados com uniforme com o logo da empresa contratada pela CPFL e crachá.

“O projeto tem como objetivo central promover o consumo consciente e eficiente de energia elétrica, além de eliminar as ligações clandestinas (gatos), gerando novos clientes e levando cidadania aos beneficiados. Até o momento, já regularizamos 306 clientes na Baixada Santista, proporcionando uma economia de energia de 734,4 MWh/ano”, ressalta o gerente de Eficiência Energética da CPFL Energia, Luiz Carlos Lopes Júnior.

Para receber o benefício da troca da geladeira, por exemplo, o cliente deve possuir cadastro no NIS (Número de Identificação Social) e estar com o pagamento de contas de energia em dia. Para quem recebe o direito, o programa contempla doação de poste padrão de entrada (postinho), reforma das instalações elétricas das residências, doação de lâmpadas econômicas, troca de refrigeradores, substituição de chuveiros elétricos e instalação de aquecedores solares.

Em 2015, a CPFL Piratininga entregou mais de 43 mil novos equipamentos, mais eficientes, entre geladeiras, chuveiros e lâmpadas LED, para os clientes de baixo poder aquisitivo de 27 municípios do interior e litoral do Estado de São Paulo. Para essas ações a empresa investiu cerca de R$ 3,9 milhões. O volume de energia elétrica economizado com o Programa de Eficiência Energética, no ano foi de 4.917 mil MWh.

Os recursos do programa provêm do valor arrecadado nas contas de energia elétrica. Esse dinheiro volta para a sociedade por meio de projetos que buscam conscientizar a população sobre o consumo racional de energia elétrica. O Programa de Eficiência Energética da CPFL é desenvolvido desde 1999 e promove o combate ao desperdício, ampliando a reflexão que utilizar a eletricidade de forma sustentável é vital para o futuro da humanidade.

Palácio da Polícia Civil recebe tecnologia LED
O prédio público da Polícia Civil (DEINTER 6), em Santos, recebeu a instalação de 1,360 mil novas lâmpadas com tecnologia LED. A obra foi realizada por meio do Programa de Eficiência Energética da CPFL Piratininga, e recebeu a aprovação da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). Foram investidos na instalação R$ 45 mil. 

Embora pequenas, as lâmpadas consomem uma quantidade razoável de energia, contribuindo com os gastos. Este tipo de iluminação é mais eficiente, pois apresenta maior luminosidade, com economia. Para se ter uma ideia, o modelo fluorescente tem uma potência de 40 Watts, já a LED com potência de 18 Watts apresenta a mesma luminosidade.

A expectativa é de que o novo sistema de iluminação gere uma economia de 45 MWh/ano. Essa quantidade de energia é suficiente para abastecer aproximadamente 19 residências com um consumo mensal de 200 KWh durante um ano. “A instalação da nova tecnologia de luminárias LED traz vantagens imediatas, como redução dos custos com o consumo de energia e com a manutenção, já que a vida útil desse tipo de sistema de iluminação é muito maior”, ressalta o gerente de Eficiência Energética da CPFL Energia, Luiz Carlos Lopes Júnior.

A conclusão da obra reduzirá o desperdício de energia elétrica, por meio da aplicação de equipamentos mais eficientes, contribuindo ainda com o meio ambiente ao evitar a emissão de 56,25 toneladas de CO2. Para efeito de comparação, essa quantidade de dióxido de carbono representa o mesmo que o plantio de 337 novas árvores.

Sobre a CPFL Energia
A CPFL Energia, há 103 anos no setor elétrico, atua nos segmentos de distribuição, geração, comercialização, serviços e telecomunicações. É líder no mercado de distribuição, com 13% de participação, totalizando mais de 7,5 milhões de clientes nos Estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Paraná.
Na comercialização, é um dos líderes no mercado livre, com uma participação de mercado de 11% na venda para consumidores finais entre as comercializadoras. É um dos líderes na comercialização de energia incentivada para clientes livres.
Na geração, é o segundo maior agente privado do país, com um portfólio baseado em fontes limpas e renováveis. A CPFL Geração conta com 2.248 MW de potência instalada, considerando sua participação equivalente em cada um dos ativos de geração. Em 2011 criou a CPFL Renováveis, com ativos como PCHs, parques eólicos, termelétricas a biomassa e a usina solar Tanquinho, pioneira no Estado de São Paulo, e uma das maiores do Brasil. Adicionando a participação equivalente na CPFL Renováveis, a capacidade instalada total do Grupo CPFL atingiu 3.127 MW no final do terceiro trimestre de 2015. O grupo também ocupa posição de destaque em arte e cultura, entre os 15 maiores investidores brasileiros.
A CPFL Energia tem ações listadas no Novo Mercado da BM&FBovespa e ADR Nível III na NYSE, além participar do Índice Dow Jones Sustainability Index Emerging Markets e do Morgan Stanley Capital International Global Sustainability Index (MSCI). Pelo 11º. ano consecutivo, as ações da companhia integram a carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da BM&FBovespa.

Tags:
    comunidades eficientes; baixada santista; LED