Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

CPFL Piratininga doa 1.500 aquecedores solares para famílias nas regiões de Sorocaba e Indaiatuba

Escrito por:

Assessoria de Imprensa   13/02/2017

​​
Sorocaba, 14 de fevereiro de 2017 – A CPFL Piratininga, distribuidora do Grupo CPFL Energia que atende 27 municípios do interior e litoral de São Paulo, doou 1.500 aquecedores solares, em 2016, para famílias com baixo poder aquisitivo das cidades de Sorocaba, Indaiatuba, Iperó, Itu, Louveira, Salto e Votorantim. A iniciativa faz parte do projeto “Comunidades Eficientes” e consumiu R$ 3,750 milhões em investimentos, por meio do seu Programa de Eficiência Energética (PEE).

A instalação do aquecedor solar permite que os clientes beneficiados reduzam o consumo de energia de um dos principais itens de uma residência, o chuveiro elétrico. Composto por um sistema de coletores solares (placas) e reservatório térmico (boiler), o aquecedor solar capta a irradiação solar e transfere o calor do sol para água que circula pelas tubulações ou é armazenada no boiler para uso futuro. 

Dessa forma, consegue-se o efeito chamado de termossifão, ou seja, conforme a água das tubulações esquenta, ela torna-se menos densa e vai sendo empurrada pela água fria. Assim, chega naturalmente ao reservatório, sem a necessidade de bombeamento.

Como os equipamentos que utilizam a energia para gerar calor têm potência maior e consomem mais, ao acionar o chuveiro, por meio dos aquecedores solares, necessita-se de uma potência menor para atingir a temperatura ideal para o banho, consumindo menos energia elétrica. 

“Quando chega o inverno, o tempo de permanência no banho normalmente aumenta, o que demanda mais energia. Por isso, com a instalação de aquecedores solares, o cliente pode ter uma economia no valor da conta de luz”, complementa o gerente de Eficiência Energética da CPFL Energia, Luiz Carlos Lopes Júnior.

Com a doação e a instalação dos aquecedores solares, a expectativa é de que os clientes beneficiados apurem uma economia é de 1.260 MWh/ano no consumo de energia. Para efeito de comparação, esse volume seria suficiente para abastecer 525 residências durante um ano, com consumo médio mensal de 200 KWh.

A instalação deste tipo de tecnologia também evitou a emissão de 201 toneladas de CO2. Para efeito de comparação, essa quantidade de dióxido de carbono representa o mesmo que o plantio de 1.206 novas árvores. Além deste benefício ao meio ambiente, o projeto também estimula a consciência energética da população.

Os clientes beneficiados com os aquecedores solares possuem o documento Número de Identificação Social (NIS), emitido pela Assistência Social das Prefeituras Municipais, e estão cadastrados na Tarifa Social de Energia Elétrica (TSEE).

Sobre o Programa de Eficiência Energética 

O Programa de Eficiência Energética das distribuidoras da CPFL Energia é desenvolvido pelo Grupo desde 1998 e tem por objetivos a preservar os recursos naturais e promover educação para o uso inteligente de energia elétrica, evitando, assim, o desperdício. Os recursos do programa provêm do valor arrecadado nas contas de luz. Essa verba volta para a sociedade por meio de projetos que buscam tornar mais consciente a relação das pessoas com a energia elétrica, fazendo com que esta seja utilizada com responsabilidade.

Sobre a CPFL Energia

A CPFL Energia, há 104 anos no setor elétrico, atua nos segmentos de distribuição, geração, comercialização e serviços. Desde janeiro de 2017, o Grupo faz parte da State Grid, estatal chinesa que é a segunda maior organização empresarial do mundo e a maior companhia de energia elétrica, atendendo 88% do território chinês e com operações na Itália, Austrália, Portugal, Filipinas e Hong Kong.

Com 14,3% de participação, a CPFL Energia é líder no mercado de distribuição, totalizando mais de 9,1 milhões de clientes em 679 cidades, entre os estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Paraná. Na comercialização, é uma das líderes no mercado livre, com participação de mercado de 14,1% na venda para consumidores finais. É uma das líderes na comercialização de energia incentivada para clientes livres.

Na geração, é a terceira maior agente privada do País, com um portfólio baseado em fontes limpas e renováveis, como grandes hidrelétricas, usinas eólicas, térmicas a biomassa, Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCH) e usina solar. Considerando a participação acionária na CPFL Renováveis, maior empresa de geração da América Latina a partir de fontes alternativas de energia, a capacidade instalada do Grupo CPFL alcançou 3.192 MW, no final do terceiro trimestre de 2016. 

A CPFL Energia possui ações listadas no Novo Mercado da BM&FBovespa e ADR Nível III na NYSE, além de participar do Índice Dow Jones Sustainability Index Emerging Markets e do Morgan Stanley Capital International Global Sustainability Index (MSCI). Pelo 12º. ano consecutivo, as ações da companhia integram a carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da BM&FBovespa. O Grupo também ocupa posição de destaque em arte e cultura, entre os maiores investidores brasileiros.

Tags:
    CPFL Piratininga; aquecedores solares; sorocaba; indaiatuba; investimento; distribuidora