Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

CPFL Piratininga doa 2,1 mil mudas de árvores para quatro cidades no interior paulista em 2016

Escrito por:

Assessoria de Imprensa   23/01/2017

​​Sorocaba, Indaiatuba, Salto e Itu foram as cidades beneficiadas​

Sorocaba, 24 de janeiro de 2017 – A CPFL Piratininga, distribuidora que atende a 1,5 milhão de clientes em 27 cidades do interior e litoral paulista, doou 2,157 mil mudas de árvores para quatro municípios do interior paulista, em linha com o compromisso de contribuir para o desenvolvimento sustentável de suas comunidades. A iniciativa, que consumiu R$ 107,85 mil em investimentos, contribui para a arborização urbana, proporcionando mais qualidade de vida aos habitantes.

Sorocaba (SP) foi a cidade que recebeu o maior número de doações da CPFL Piratininga, 1,050 mil plantas, entre mudas e árvores. Outras cidades que foram contempladas com as doações foram Indaiatuba (1 mil mudas), Itu (87) e Salto (20). Com os resultados alcançados em 2016, a concessionária já contabiliza mais de 106 mil de mudas doadas aos municípios de sua área de concessão.

As mudas são provenientes de viveiros da empresa, e a doação é gratuita para as cidades. Entre as espécies disponibilizadas estão: Angelim Rosa, Espirradeira, Flamboyant Mirim, Ipê Amarelo, Ipê Branco, Ipê Roxo, Flamboyant-Mirim, Manacá da Serra, Pitanga, Quaresmeira Rosa e Resedá. Em troca, a distribuidora conta com o apoio da administração pública em cultivar o plantio dessas espécies que convivem melhor com a rede elétrica.

 "O convívio harmonioso entre redes elétricas e arborização é de suma importância, tendo em vista que a interferência de galhos e de árvores representa 2/3 do tempo em que o cliente fica sem energia. Em 2016, por exemplo, a CPFL Paulista registrou 14.637 interrupções provocadas por intervenções da vegetação no sistema de distribuição, como queda de galhos de árvores sobre os cabos elétricos", completa o presidente da distribuidora, Carlos Zamboni Neto.

Veja a lista completa de cidades contempladas com a doação de mudas:

Cidades contempladasNúmero de mudas doadas
Sorocaba1.050
Indaiatuba1.000
Itu87
Salto20

 

Ao adotar espécies de árvores adequadas ao convívio harmônico com as infraestruturas da área urbana, é possível evitar:

  • Danos nas redes de energia, de água subterrânea, de esgoto, de telefonia, de gás e galerias de águas pluviais;
  • Entupimentos de calhas e canalizações;
  • Danos às coberturas;
  • Comprometimento da iluminação pública;
  • Comprometimento da acessibilidade do passeio público (calçadas);

 

O contato das árvores com a rede elétrica pode trazer consequências sérias como:

  • Vazamentos de corrente elétrica da rede para o solo (por meio das árvores), podendo inclusive atingir pedestres, principalmente em caso de chuvas.
  • Rompimento de condutores, com risco de acidentes com pessoas.
  • Risco de curto-circuito, com interrupção do fornecimento de energia, danos em aparelhos elétricos das residências, interferência com o sistema de sinalização, desligamento da iluminação pública e comprometimento dos sistemas de segurança e danos aos equipamentos do sistema elétrico, etc.

 

Solicitações de podas de árvores cujos galhos oferecem risco de interferência na rede elétrica ou à população, podem ser feitas por meio dos canais de relacionamento da empresa, como o site: www.cpfl.com.br.

Sobre a CPFL Energia

A CPFL Energia, há 104 anos no setor elétrico, atua nos segmentos de distribuição, geração, comercialização, serviços e telecomunicações. É líder no mercado de distribuição, com 14,3% de participação, totalizando mais de 9,1 milhões de clientes em 679 cidades em São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Paraná.

Na comercialização, é um dos líderes no mercado livre, com uma participação de mercado de 14,1% na venda para consumidores finais entre as comercializadoras. É um dos líderes na comercialização de energia incentivada para clientes livres.

Na geração, é o terceiro maior agente privado do país, com um portfólio baseado em fontes limpas e renováveis. A CPFL Geração conta com 2.248 MW de potência instalada, considerando sua participação equivalente em cada um dos ativos de geração. Em 2011, criou a CPFL Renováveis, com ativos como PCHs, parques eólicos, termelétricas a biomassa e a usina solar Tanquinho, pioneira no Estado de São Paulo e uma das maiores do Brasil. Adicionando a participação equivalente na CPFL Renováveis, a capacidade instalada total do Grupo CPFL atingiu 3.192 MW no final do terceiro trimestre de 2016. O Grupo também ocupa posição de destaque em arte e cultura, entre os maiores investidores brasileiros.

A CPFL Energia tem ações listadas no Novo Mercado da BM&FBovespa e ADR Nível III na NYSE, além participar do Índice Dow Jones Sustainability Index Emerging Markets e do Morgan Stanley Capital International Global Sustainability Index (MSCI). Pelo 12º. ano consecutivo, as ações da companhia integram a carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da BM&FBovespa.

Tags:
    doação; mudas; Piratininga;