Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

CPFL Paulista realiza operação contra fraudes e furtos e encontra 25 ocorrências em Monte Alto

Escrito por:

Assessoria de Imprensa   11/03/2020

Com o objetivo de coibir prática criminosa conhecida popularmente como “gato”, a ação teve a parceria da Polícia Civil e 34 colaboradores da companhia

Campinas, 12 de março de 2020. A CPFL Paulista, distribuidora que atende 234 municípios no interior de São Paulo, e a Polícia Civil, realizaram nesta quarta-feira (11) uma operação de combate a fraudes e furtos em Monte Alto. A ação realizou inspeções em mais de 100 endereços comerciais e identificou 25 casos dos famosos “gatos” de energia elétrica. Os proprietários foram conduzidos às unidades policiais para prestar esclarecimentos.

A ação concentrou esforços para a inspeção e identificação de irregularidades em todos os bairros da cidade e teve como objetivo coibir a prática de fraudes e furtos nos comércios da região, que piora a qualidade do fornecimento de energia para os demais consumidores, coloca em risco a vida da população, além de promover uma competição desleal entre o comércio local. Com essa operação, foi possível recuperar 403 MWh, energia suficiente para abastecer a população de Monte Alto por quase 1 mês. Considerando o volume de energia recuperada, serão restituídos para os cofres públicos, aproximadamente R$ 72 mil em tributos (ICMS e PIS/Cofins) e não foram pagos e agora serão revertidos aos cofres públicos para benefício da população.

A operação envolveu a Polícia Civil e 34 colaboradores da concessionária, que identificaram as fraudes e prestaram o apoio técnico necessário às forças policiais.

Fraude e furto de energia é crime. As fraudes e furtos de energia são crimes previstos no Código Penal, e a pena pode variar de um a quatro anos de detenção.

“Outra consequência negativa é a piora na qualidade do serviço prestado. As ligações clandestinas sobrecarregam as redes elétricas, deixando o sistema de distribuição mais suscetível às interrupções no fornecimento”, explica o presidente da CPFL Paulista, Roberto Sartori.

Consumidores que fazem “gato”, além de praticarem crime, também estão colocando as suas vidas e da população em risco. Pessoas não habilitadas que tentam manipular o medidor de energia ou realizar ligação direta na rede podem causar acidentes graves, até mesmo fatais.

Para contribuir com a população, a empresa possui abertura para negociação para os moradores que querem regularizar a situação do imóvel nas agências de atendimento. 

Mais Fiscalização. A CPFL Paulista continua suas ações de fiscalização contra este tipo de delito em todos os municípios atendidos. Nos próximos dias, as ações seguirão na cidade de Monte Alto e região.

A assertividade do trabalho desenvolvido pela Diretoria Comercial do Grupo CPFL é fruto de novas tecnologias adotadas em seus processos de monitoramento e análise. “Deste modo, a companhia consegue preventivamente identificar possíveis variações no consumo de energia que indiquem perdas comerciais. Além dos investimentos em processos, a companhia também tem trabalhado em conjunto com os órgãos públicos e as autoridades policiais para coibir a prática de fraudes e furtos”, complementa o diretor comercial da CPFL, Rafael Lazzaretti.

Consumidores da CPFL Paulista podem contribuir para o combate às fraudes e furtos por meio dos canais de denúncia disponibilizados pela concessionária, com total sigilo. Denúncias podem ser realizadas pelo aplicativo CPFL Energia, pelo site www.cpfl.com.br/fraude, pelo e-mail denunciafraude@cpfl.com.br​.

Tags:
    Campinas; CPFL Paulista; fraudes e furtos; Monte Alto; Mais Fiscalização;