Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

CPFL Paulista instala usina solar e 1,3 mil lâmpadas de LED no Instituto Federal de São Paulo em Barretos

Escrito por:

Assessoria de Imprensa   13/10/2019

​Projeto de Eficiência Energética da companhia vai gerar economia de 53% nas contas de energia do campus e evitar a emissão de 10,13 toneladas de CO2 na atmosfera

Barretos, 14 de outubro de 2019. A CPFL Paulista, por meio do Programa de Eficiência Energética, modernizou a infraestrutura de iluminação do Instituto Federal de São Paulo – IFSP Barretos, e instalou um sistema fotovoltaico, gerando economia no consumo de energia elétrica do campus. Ao todo, a distribuidora está investindo R$ 394 mil nas obras.

O projeto substituiu 1.393 lâmpadas e luminárias por tecnologia LED, mais durável e eficiente, e instalou uma usina solar fotovoltaica de 37,37 kWp. A expectativa é que o instituto possa reduzir em até 53% os seus custos com a conta de luz por mês e 136,9 MWh/ano. O volume seria suficiente para abastecer cerca de 57 famílias no período de um ano.

Além do benefício da redução nas contas do instituto, a iniciativa também gera ganhos ambientais. O menor consumo de energia elétrica evita, por exemplo, o acionamento de usinas térmicas, mais caras e poluentes. A estimativa é que a modernização evite a emissão de 10,13 toneladas de gás carbônico (CO2) na atmosfera, o que seria equivalente ao plantio de 61 novas árvores.

Os recursos foram financiados por meio do Programa de Eficiência Energética (PEE) da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).

Vale destacar que o IFSP submeteu o projeto por meio da Chamada Pública de Projetos (CPP) do ano de 2018. O objetivo da iniciativa, realizada anualmente e financiada com recursos do PEE da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), é encorajar o desenvolvimento de projetos que promovam o uso racional dos recursos naturais, reduzindo o consumo de energia e proporcionando economia na conta dos clientes. 

No total, em 2019, a CPFL Paulista destinará até R$ 24,6 milhões para a execução de projetos submetidos por clientes nas classes industrial, residencial, comercial, poder público, serviço público, iluminação pública e rural. Entre as ações possíveis de implementação nos projetos de Eficiência estão a substituição de equipamentos por modelos mais eficientes, como a modernização de sistemas motrizes e de sistemas de iluminação, instalação de aquecedores solares e/ou de sistemas fotovoltaicos, entre outros. Mais informações podem ser encontradas em na página https://www.cpfl.com.br/chamadapublica.

Programa de Eficiência Energética. A CPFL Energia investiu, em 2018, cerca de R$ 67,6 milhões em projetos de eficiência energética distribuídos nos 679 municípios atendidos pela concessionária, nos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Paraná e Rio Grande do Sul, conforme aprovado pela ANEEL. Com o investimento, os projetos pouparam cerca de 29 mil MWh, energia suficiente para abastecer, aproximadamente, 11,4 mil clientes residenciais por um ano.

Sobre a CPFL Energia. A CPFL Energia, há 106 anos no setor elétrico, atua nos segmentos de distribuição, geração, comercialização e serviços. Desde janeiro de 2017, o Grupo faz parte da State Grid, estatal chinesa que é a segunda maior organização empresarial do mundo e a maior empresa de energia elétrica, atendendo 88% do território chinês e com operações na Itália, Austrália, Portugal, Filipinas e Hong Kong.

Com 14% de participação, a CPFL Energia é uma das maiores empresas no mercado de distribuição, totalizando mais de 9,7 milhões de clientes em 687 cidades, entre os estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Paraná. Na comercialização, é uma das líderes no mercado livre, com participação de mercado de 4%. É líder na comercialização de energia incentivada para clientes livres entre as comercializadoras.

Na geração, é a terceira maior agente privada do País, com um portfólio baseado em fontes limpas e renováveis, como grandes hidrelétricas, usinas eólicas, térmicas a biomassa, Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCH) e usina solar. Considerando a participação acionária na CPFL Renováveis (53,18%), maior empresa de geração da América Latina a partir de fontes alternativas de energia, a capacidade instalada do Grupo CPFL alcançou 3.307 MW, no final de junho de 2019.

A CPFL Energia possui ações listadas no Novo Mercado da B3 e ADR Nível III na NYSE. O Grupo também ocupa posição de destaque em arte e cultura, entre os maiores investidores brasileiros, por meio do Instituto CPFL.

Sobre o Instituto. O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) é uma autarquia federal de ensino. Fundada em 1909 como Escola de Aprendizes Artífices, é reconhecida pela sociedade paulista por sua excelência no ensino público gratuito de qualidade.

Durante seus 100 anos de história, recebeu também os nomes de Escola Técnica Federal de São Paulo e Centro Federal de Educação Tecnológica de São Paulo. Com a recente transformação em Instituto, passou a ter relevância de universidade, destacando-se pela autonomia.

Com a mudança, o IFSP destinará 50% das vagas para os cursos técnicos e, no mínimo, 20% das vagas para os cursos de licenciatura, sobretudo nas áreas de Ciências e da Matemática. Complementarmente, continuará oferecendo cursos de formação inicial e continuada, tecnologias, engenharias e pós-graduação.

O IFSP é organizado em estrutura multicampi e possui aproximadamente 22 mil alunos matriculados nos 25 campi e 10 polos distribuídos pelo estado de São Paulo. O Campus de Barretos foi inaugurado em 28 de outubro de 2010.

Tags:
    CPFL Paulista; Programa de Eficiência Energética; Barretos; IFSP;