Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

CPFL Energia e Instituto Ecofuturo realizam curso sobre Promoção de Leitura em Campinas

Escrito por:

Assessoria de Imprensa   20/06/2017

Campinas, 14 de junho de 2017 - A CPFL Energia, maior grupo privado do setor elétrico brasileiro, e o Instituto Ecofuturo, criado e mantido pela Suzano Papel e Celulose, realizam, de 19 a 22 de junho, um curso gratuito sobre Promoção de Leitura em Campinas, com o apoio da Prefeitura Municipal. A formação faz parte do projeto de implantação de uma Biblioteca Comunitária na EMEF Oziel Alves Pereira, no Parque Oziel, e será ministrado por profissionais da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ), responsável pela execução técnica da iniciativa.
 
O curso de formação, que deve reunir cerca de 40 pessoas entre educadores do município e representantes da comunidade onde a biblioteca será instalada, tem como objetivo familiarizar os participantes com o texto escrito em suas diversas formas literárias e informativas, tornando-os aptos a ler com e para crianças e jovens, de forma a contribuir para a formação leitora. 

Entre os participantes, dois serão destacados para trabalhar diretamente na nova Biblioteca Comunitária, sendo um na gestão do espaço e outro na promoção de leitura. Os demais cursistas poderão realizar atividades de incentivo à leitura em suas áreas de atuação e na própria comunidade, disseminando o conhecimento e contribuindo para fomentar o hábito leitor na cidade.

O curso de Promoção de Leitura é o segundo módulo oferecido pelo projeto. Em maio, os cursistas participaram de um treinamento sobre Gestão de Biblioteca, assimilando noções básicas sobre a profissão de Biblioteconomista e a rotina de uma biblioteca. Para incentivar o uso do ambiente natural como espaço educador e a conexão com a natureza, haverá também uma oficina sobre Educação Socioambiental. 

A EMEF Oziel Alves Pereira atende atualmente a cerca de mil alunos do ensino fundamental e médio, e a biblioteca, que será a primeira da região aberta para uso da comunidade, terá seu espaço reformado e modernizado, sendo dotado de dois computadores, TV, leitor de blu-ray, impressora e software para gestão da biblioteca. Mil livros de literatura também serão comprados para complementar o acervo do espaço e haverá um funcionário no local para atuar com ações de promoção de leitura, e outro responsável pela organização e rotina administrativa da unidade. 

O investimento de R$ 1 milhão da CPFL Energia no projeto Biblioteca Comunitária Ecofuturo faz parte da sua estratégia de uso dos recursos do subcrédito social, uma linha de crédito concedida pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) quando uma empresa contrata um financiamento para a realização de investimentos. A parceria entre a CPFL Energia e o Instituto Ecofuturo também contempla a implantação de Bibliotecas Comunitárias em Bebedouro e Marília, no interior de São Paulo. As três novas unidades têm inauguração prevista para o segundo semestre e, por ano, devem receber cerca de 10 mil usuários.

Sobre o projeto Biblioteca Comunitária Ecofuturo 

A aquisição de competências de leitura e escrita são a base para a educação de qualidade e desenvolvimento da consciência crítica. Com esta visão, o projeto tem como objetivo contribuir para a implantação e qualificação de política pública de leitura e de biblioteca, para a democratização do acesso ao livro, formação de leitores e a universalização de bibliotecas no País. Em parceria com o poder público, iniciativa privada e comunidade local, o Ecofuturo trabalha na implantação de bibliotecas em escolas públicas, abertas à comunidade, e no incentivo à promoção de leitura.  Alguns destaques:

107 bibliotecas implantadas em 12 estados.
Média de 6 mil atendimentos por ano em cada unidade.
4 mil pessoas formadas nos cursos de Auxiliar de Biblioteca e Promotor de Leitura.
Realização de oficinas de gestão e sustentabilidade com representantes do poder público.​

Tags:
    Biblioteca Comunitária; subcrédito social; CPFL Energia; sustentabilidade; Campinas; Instituto Ecofuturo