Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

CPFL Energia e Instituto Ecofuturo levam bibliotecas para cidades do interior paulista

Escrito por:

Assessoria de Imprensa   02/10/2016


Campinas, 03 de outubro de 2016 – A CPFL Energia, maior grupo privado do setor elétrico brasileiro, e o Instituto Ecofuturo, Organização da Sociedade Civil de Interesse Público mantida pela Suzano Papel e Celulose, firmam parceria para levar o projeto Biblioteca Comunitária Ler é Preciso para cidades do interior paulista. Com investimento de R$ 1 milhão por parte do Grupo CPFL, serão implantadas bibliotecas em escolas públicas de Campinas, Bebedouro e Marília, com objetivo de fomentar e incentivar políticas públicas de leitura. 

A expectativa é que as novas bibliotecas estejam concluídas ao final de 2017. Cada unidade terá 1 mil livros, 30 profissionais capacitados para a promoção de atividades de leitura e gestão das instalações – sendo que dois serão selecionados para trabalhar integralmente nas unidades –, dois computadores, uma TV, um leitor de blu-ray e uma impressora multifuncional. Outros sete funcionários de cada uma das três prefeituras serão treinados sobre acesso e uso de recursos públicos para a sustentabilidade de bibliotecas. A previsão é que, por ano, cerca de 10 mil pessoas frequentem os locais.

Ao longo dos 18 meses do seu desenvolvimento, o projeto terá intensa participação da sociedade civil, com a mobilização das comunidades para sugestões ao projeto e ao acervo de livros, além de acompanhar as etapas de implantação das instalações. Os bairros em que as bibliotecas serão instaladas devem ser definidos pelo Instituto Ecofuturo em conjunto com o poder público, após a realização de diagnóstico e visita técnica. Por terem caráter comunitário, um dos pré-requisitos para a implantação é que a comunidade tenha acesso irrestrito à biblioteca, além de alunos e educadores.  

As comunidades poderão escolher 30% dos 3 mil livros de literatura que serão adquiridos para o projeto. A seleção dos outros 70% será realizada por especialistas da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ), parceira técnica da iniciativa, sob a coordenação do Instituto Ecofuturo. O objetivo da medida é aproximar ainda mais as pessoas das bibliotecas, democratizando o acesso aos espaços, mostrando que as instalações atendem aos interesses das comunidades locais e oferecem diversificada literatura de qualidade, que contribui com a ampliação do conhecimento.

Para garantir a manutenção das novas unidades, também é assinado um Termo de Parceria junto às prefeituras, que se comprometem pela reforma ou construção dos locais que receberão as bibliotecas, pela conservação dos espaços e por garantir toda infraestrutura necessária (desde acesso à internet, telefone, água e luz, a seleção e contratação dos profissionais que trabalharão no local). A expectativa é que, no curto prazo, a parceria entre a CPFL Energia e o Instituto Ecofuturo seja estendida para municípios da área de concessão do Grupo no Rio Grande do Sul.

O investimento da CPFL Energia no projeto Biblioteca Comunitária Ler é Preciso faz parte da sua estratégia de uso dos recursos do subcrédito social, uma linha de crédito concedida pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) quando uma empresa contrata um financiamento para a realização de investimentos. Com este crédito, a companhia tem buscado apoiar negócios de impacto e políticas públicas que promovam a melhoria dos indicadores sociais de suas comunidades. Um dos principais projetos apoiados pelo Grupo é o da plataforma educacional Geekie. 

Ao investir no projeto Biblioteca Comunitária Ler é Preciso, do Instituto Ecofuturo, a CPFL Energia contribui com a efetividade da Lei nº 12.244/10, que determina que, até 2020, todas as instituições de ensino do País tenham uma biblioteca. “Com esta abordagem, queremos dar escala aos investimentos sociais da CPFL, sendo a ponte entre as ideias e o público-alvo, e contribuir para a efetividade de políticas públicas”, afirma o diretor de Sustentabilidade da CPFL Energia, Rodolfo Sirol.   

Para a Superintendente do Instituto Ecofuturo, Marcela Porto, as novas bibliotecas contribuirão para democratizar o acesso aos livros de literatura e para fomentar a promoção de leitura. “Temos muito orgulho de liderar este projeto, que há 17 anos apoia a formação de leitores e, consequentemente, de cidadãos mais críticos, além de contribuir com a efetividade da Lei 12.244. Hoje, temos uma rede de 107 Bibliotecas Comunitárias Ler é Preciso em 12 estados brasileiros e acreditamos que são ações como essa, a articulação intersetorial e o investimento em educação, que levam a grandes transformações sociais”, afirma. 

Sobre o projeto Biblioteca Comunitária Ler é Preciso 

A aquisição de competências de leitura e escrita são a base para a educação de qualidade e desenvolvimento da consciência crítica. Com esta visão, o projeto tem como objetivo contribuir para a implantação e qualificação de política pública de leitura e de biblioteca, para a democratização do acesso ao livro e efetivação da lei 12.244/10, que determina que até 2020 todas as instituições de ensino do país, públicas e privadas, deverão ter bibliotecas. Em parceria com o poder público, iniciativa privada e comunidade local, o Ecofuturo trabalha na implantação de bibliotecas em escolas públicas, abertas à comunidade, e no incentivo à promoção de leitura.  Alguns destaques:
107 bibliotecas implantadas em 12 estados.
Média de 500 atendimentos por mês em cada unidade.
4 mil pessoas formadas nos cursos de Auxiliar de Biblioteca e Promotor de Leitura.
Realização de oficinas de gestão e sustentabilidade com representantes do poder público.

Sobre o Instituto Ecofuturo

O Instituto Ecofuturo é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP), instituída e mantida pela Suzano Papel e Celulose. O Ecofuturo acredita que é a partir da integração do homem com a natureza, do entendimento de sua relação com o todo, que a intenção se transforma em ação para mudar o presente e o futuro para melhor. Desde 1999, atua como articulador entre a sociedade civil, o poder público e o setor privado, buscando contribuir para a expansão da consciência socioambiental por meio do compartilhamento de saberes, práticas de cuidado e mensuração de impactos. Mantém projetos que contribuem para o fortalecimento das práticas de leitura e escrita e pela conservação do meio ambiente. Para mais informações, visite www.ecofuturo.org.br.

Sobre a CPFL Energia

A CPFL Energia, há 103 anos no setor elétrico, atua nos segmentos de distribuição, geração, comercialização, serviços e telecomunicações. É líder no mercado de distribuição, com 13% de participação, totalizando mais de 7,8 milhões de clientes nos Estados de São Paulo, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Paraná.

Na comercialização, é um dos líderes no mercado livre, com uma participação de mercado de 14,1% na venda para consumidores finais entre as comercializadoras. É um dos líderes na comercialização de energia incentivada para clientes livres.

Na geração, é o segundo maior agente privado do país, com um portfólio baseado em fontes limpas e renováveis. A CPFL Geração conta com 2.248 MW de potência instalada, considerando sua participação equivalente em cada um dos ativos de geração. Em 2011 criou a CPFL Renováveis, com ativos como PCHs, parques eólicos, termelétricas a biomassa e a usina solar Tanquinho, pioneira no Estado de São Paulo, e uma das maiores do Brasil. Adicionando a participação equivalente na CPFL Renováveis, a capacidade instalada total do Grupo CPFL atingiu 3.144 MW no final do segundo trimestre de 2016. O Grupo também ocupa posição de destaque em arte e cultura, entre os maiores investidores brasileiros.

A CPFL Energia tem ações listadas no Novo Mercado da BM&FBovespa e ADR Nível III na NYSE, além participar do Índice Dow Jones Sustainability Index Emerging Markets e do Morgan Stanley Capital International Global Sustainability Index (MSCI). Pelo 11º. ano consecutivo, as ações da companhia integram a carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial (ISE) da BM&FBovespa.

Mais Informações

Instituto Ecofuturo

Edelman Significa
Juliana Sampaio – (11) 3060-3157 – juliana.sampaio@edelmansignifica.com
Kelly Souza – (11) 3060-3355 – kelly.silva@edelmansignifica.com

CPFL Energia

Wellington Bahnemann – (19) 3756-8456 – wbahnemann@cpfl.com.br
Luís Ricardo – (19) 3756-8061 – lrvieira@cpfl.com.br
​Karam Valdo – (19) 3756-8197 –kvaldo@cpfl.com.br

Tags:
    Sustentabilidade; Instituto Eco Futuro; Bibliotecas; CPFL Energia; subcrédito social