Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

Release

CPFL Energia adota óleo vegetal da Cargill em sua rede de distribuição

Escrito por:

CPFL Imprensa   09/04/2014

​​​Empresa inova e consolida liderança em energia sustentável ao migrar sua rede de distribuição de energia para a tecnologia de transformadores verdes, com óleo vegetal isolante Envirotemp™ FR3™


Transformador verde.pngSão Paulo, 10 de abril de 2014 – A CPFL Energia fechou parceria com a Cargill para a utilização do óleo vegetal tipo Envirotemp™ FR3™ em seus transformadores. A concessionária está promovendo a migração de toda a sua rede de distribuição para transformadores verdes que utilizam o fluido. Essa iniciativa a torna a primeira empresa de energia no Brasil a iniciar a troca de todo o parque instalado de transformadores por equipamentos desenvolvidos com tecnologia sustentável. O trabalho é resultado de um estruturado programa de pesquisa e desenvolvimento que durou mais de uma década e culminou com a parceria com a Cargill. 

Com mais de 5.000 transformadores verdes em operação, a migração de todo o parque da CPFL Energia envolve a compra de 11.000 transformadores verdes em 2014, que utilizam o óleo vegetal FR3™ da Cargill, e a conversão dos equipamentos antigos ao longo dos próximos anos, um investimento inicial da ordem de R$ 55,8 milhões.

“Nosso interesse no óleo vegetal surgiu a partir de uma insatisfação com os óleos minerais e os riscos associados ao seu manuseio, como problemas de vazamentos, e o descarte seguro de transformadores ao final de sua vida útil”, disse Caius Vinícius Sampaio Malagoli, gerente de Manutenção e Padrões de Engenharia, da CPFL Energia. 

Além de serem menos nocivos para o meio ambiente, os transformadores com óleo vegetal são também seguros contra incêndio. O FR3™ da Cargill possui ponto de combustão duas vezes mais alto que o do óleo mineral e é auto extinguível, reduzindo assim o risco de incêndios. “Transformadores que utilizam óleo vegetal também têm maior capacidade de absorver problemas na rede como, por exemplo, sobrecargas”, afirma Malagoli. “Eles falham menos.”

O projeto do transformador verde começou a ser idealizado em 2002, quando a CPFL Energia iniciou um programa de pesquisa em tecnologia de transformadores verdes, viabilizado por uma iniciativa pioneira da Itaipu Transformadores, e logo passou a testar os novos equipamentos em campo. 

Os transformadores com óleo vegetal FR3™ têm desempenho superior aos transformadores com óleo mineral, sua estrutura é mais compacta e seu custo fixo é inferior por usar menos material em sua fabricação. “Além dos ganhos em eficiência operacional e redução de custos, ficou claro que o produto da Cargill poderia oferecer vantagens técnicas”, disse Malagoli. 

A partir de 2014, todos os transformadores da rede de distribuição da CPFL Energia serão substituídos por transformadores verdes utilizando o óleo vegetal FR3™ da Cargill. Quando perguntado a respeito do motivo pelo qual a CPFL Energia decidiu investir tão fortemente nesta tecnologia, Malagoli concluiu: “É simples: transformadores verdes acrescentam valor ao nosso negócio, em termos de eficiência e custos”.

“O projeto da CPFL Energia se destaca pelo pioneirismo no uso conjunto de todos os benefícios do óleo vegetal e contribuiu para que as principais normas de equipamentos, instalações elétricas e proteção contra incêndio fossem atualizadas para incluir essas características, principalmente sobre desempenho térmico”, afirma Marcelo Neves Martins, gerente de Desenvolvimento de Negócios da Cargill. “A atualização dessas normas irá fazer com que outras empresas de engenharia, indústrias e concessionárias de energia tenham um guia sobre como aproveitar todos os benefícios da aplicação do óleo vegetal”, destaca. 

Para atender a crescente demanda pelo óleo vegetal FR3™, a Cargill ampliou a capacidade de produção e armazenagem de sua unidade em Mairinque, no interior de São Paulo. “Nossa fábrica é base exportadora para América do Sul e estamos preparados para crescimento de 400% em volume comercializado do produto nos próximos dois anos, por meio de novos negócios no Brasil e na América do Sul”, ressalta Martins.

Sobre a Cargill
Produzimos e comercializamos internacionalmente produtos e serviços alimentícios, agrícolas, financeiros e industriais. Em parceria com produtores, clientes, governos e comunidades, e por meio de nossos quase 150 anos de experiência, nós ajudamos a sociedade a prosperar. Temos 143 mil funcionários em 67 países que estão comprometidos em alimentar o mundo de forma responsável, reduzindo impactos ambientais e melhorando as comunidades onde vivem e trabalham. 
No Brasil desde 1965, somos uma das maiores indústrias de alimentos do País. Com sede em São Paulo (SP), a empresa está presente em 16 Estados brasileiros por meio de unidades industriais e escritórios em 156 municípios e mais de 9 mil funcionários. Para mais informações, visite www.cargill.com.

Sobre a CPFL Energia
A CPFL Energia é o maior grupo privado do setor elétrico brasileiro, com atuação nos segmentos de distribuição, geração, comercialização de energia e serviços. 
Desde seu IPO (Initial Public Offering), em 2004, a CPFL Energia tem ações listadas no Novo Mercado da BM&FBovespa e ADR Nível III na NYSE, segmentos de maior nível de governança corporativa. Pelo 9º. ano consecutivo, as ações da companhia integram a carteira do ISE - Índice de Sustentabilidade Empresarial da BM&FBovespa. Em 2012, ano em que comemorou seu centenário, o Grupo ingressou no Índice Dow Jones Emerging Markets, no qual permanece em 2013, pelo segundo ano.

Tags: