Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
SharePoint

 O que é?

A energia eólica é a eletricidade produzida pelo aproveitamento da força dos ventos. Embora o homem já aproveite há séculos os ventos para produzir energia mecânica, como nos moinhos, foi nas últimas três décadas que a energia eólica se desenvolveu de forma mais consistente. Nesse período, a geração eólica deixou para trás a condição de fonte alternativa de energia, limitada a projetos experimentais altamente subsidiados, para passar a concorrer em pé de igualdade com as chamadas fontes convencionais – geração térmica a gás natural ou óleo combustível e geração hidráulica –, no que se refere a custos de produção.

Vários fatores têm contribuído para a disseminação dos parques eólicos, com os seus enormes cataventos, em paisagens do mundo todo. O desenvolvimento tecnológico tem permitido ganhos de eficiência e redução de custos de produção, tornando-a uma alternativa mais competitiva operacional e economicamente. O menor tempo na implantação dos parques eólicos, comparativamente a projetos de usinas hidrelétricas, por exemplo, é considerado um dos seus principais atributos. Com essa característica, as usinas eólicas são apontadas como projetos propícios diante da necessidade dos países de ampliarem rapidamente a oferta de energia.

Mas é o forte apelo ambiental que tem credenciado mais fortemente as usinas eólicas como uma das promissoras fontes de energia, dentro de uma nova ordem mundial, marcada por compromissos crescentes de redução de emissões de gases causadores do efeito estufa. Diferentemente das usinas termelétricas movidas a combustíveis fósseis, as usinas eólicas têm como “combustível” o vento, uma fonte renovável e limpa, que não demanda transporte e armazenagem. Por isso, não emite poluentes na atmosfera. E mesmo considerando-se os processos de produção de seus componentes e equipamentos, as emissões associadas aos projetos de geração eólica são consideradas insignificantes.